sábado, 25 de outubro de 2014

As pesquisas Ibope/Vox Populi/Datafolha e o resultado da eleição em 2010! - por Marcos Doniseti!

As pesquisas Ibope/Vox Populi/Datafolha e o resultado da eleição em 2010! - por Marcos Doniseti!

Para Aécio, as tarifas de energia, telefone e de combustíveis precisam ser fortemente reajustadas, a fim de beneficiar os donos das empresas estrangeiras que controlam tais setores (telefonia, por exemplo, com empresas multinacionais como Telefonica-Vivo, TIM, Claro, Embratel, que são controladas por empresas da Espanha, Itália e México) ou investidores que tem muitas ações em seu poder de empresas públicas, como é o caso da Petrobras. 


Em 2010 as pesquisas apresentaram os seguintes resultados na véspera do 2o. turno (Pesquisas de 30/10/2010):
Ibope: Dilma 56% x 44% Serra; Datafolha: Dilma 55% x 45% Serra; Vox Populi: Dilma 57% X 43% Serra;
O resultado da eleição foi Dilma 56,05% x 43,95% Serra.

Como se percebe, os 3 principais institutos de pesquisa acertaram o resultado da eleição presidencial de 2010, considerando a margem de erro de 2 p.p.

Não vejo motivos para acreditar que amanhã será diferente.

As pesquisas eleitorais divulgadas hoje, na véspera da eleição, apontaram os seguintes resultados:

Vox Populi: 
V.Totais – Dilma 48% X 41% Aécio; 
V.Válidos – Dilma 54% X 46% Aécio;

Ibope: 
V.Totais – Dilma 49% X 43% Aécio; 
V.Válidos – Dilma 53,3% X 46,7% Aécio;

Datafolha:
V.Totais – Dilma 47% X 43% Aécio; 
V.Válidos - Dilma 52,2% X 47,8% Aécio.

Em votos válidos, a diferença entre Vox Populi e Datafolha é de apenas 1,8 p.p., dentro da margem de erro, portanto. Entre Vox Populi e Ibope ela é ainda menor (de ridículos 0,7 p.p.).
Assim, é muito provável que o resultado final da eleição fique próximo do que estes 3 institutos mostraram hoje.
Link:

http://www.blogdacidadania.com.br/2014/10/ibope-e-vox-divergem-de-datafolha-em-2010-so-ibope-acertou/#comment-1207253

Pesquisas Vox Populi/Ibope/Datafolha (média): Dilma 53,2% X 46,8% Aécio! - por Marcos Doniseti!

Pesquisas Vox Populi/Ibope/Datafolha (média): Dilma 53,2% X 46,8% Aécio! - por Marcos Doniseti!

Dilma e Lula juntos mudaram o Brasil, permitindo a ascensão social e econômica de dezenas de milhões de brasileiros mais pobres. 


Vox Populi: Dilma 48% (54%) X 41% (46%) Aécio.

Ibope: Dilma 49% (53,3%) X 43% (46,7%) Aécio.

Datafolha: Dilma 47% (52,2%) X 43% (47,8%) Aécio.


Média das 3 pesquisas (v.totais): Dilma 48% X 42,3% Aécio.

Médias das 3 pesquisas (v.válidos): Dilma 53,2% X 46,8% Aécio. 


Links:


Pesquisa Vox Populi:

http://noticias.r7.com/eleicoes-2014/dilma-amplia-vantagem-sobre-aecio-para-7-pontos-segundo-vox-populi-25102014

Pesquisa Ibope:

http://g1.globo.com/politica/eleicoes/2014/noticia/2014/10/dilma-tem-53-e-aecio-47-dos-votos-validos-aponta-ibope.html

Pesquisa Datafolha:

http://noticias.r7.com/eleicoes-2014/datafolha-mostra-dilma-e-aecio-empatados-no-segundo-turno-25102014

domingo, 19 de outubro de 2014

Na Inglaterra, o povo protesta contra as políticas neoliberais que Aécio quer implantar no Brasil! - por Marcos Doniseti!

Na Inglaterra, o povo protesta contra as políticas neoliberais que Aécio quer implantar no Brasil! - por Marcos Doniseti!

80 mil ingleses protestaram em Londres contra a política neoliberal de arrocho salarial e de austeridade do governo britânico.

Na Inglaterra, o povo está protestando contra as políticas neoliberais do governo conservador, que promovem um brutal arrocho salarial, corte de direitos trabalhistas e redução dos gastos sociais. Esta é a famosa política de 'Austeridade' que Aécio e o PSDB desejam implantar no Brasil e que é repudiada pelos trabalhadores ingleses.
É isso que você quer para o Brasil? Claro que não. É Dilma 13!

Do 'Correio da Manhã' (site de Portugal):


Pelo menos 80 mil pessoas manifestaram-se este sábado em Londres contra os baixos salários e os cortes na despesa pública para diminuir o défice britânico, segundo os organizadores do protesto, a federação dos principais sindicatos do país.
A federação The Trades Union Congress (TUC, em português Congresso da União dos Sindicatos) acrescentou que outros milhares de pessoas saíram à rua em Glasgow, na Escócia, e em Belfast, na Irlanda do Norte, para se juntarem ao evento "A Grã-Bretanha precisa de um aumento de salário". 
A manifestação foi o culminar de uma semana de protestos contra os baixos salários, como os registrados entre funcionários do Serviço Nacional de Saúde, dos tribunais, dos centros de desemprego ou dos museus.

Os organizadores argumentaram que os salários diminuíram em média, por semana, 50 libras (63 euros) desde 2008. O Governo britânico já assegurou que a austeridade deve continuar para equilibrar as contas públicas e que não pode aumentar os salários no setor público.

Link:

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Pesquisa Datafolha induz o eleitor a não escolher Dilma! - Marcos Doniseti!

Pesquisa Datafolha induz o eleitor a não escolher Dilma! - Marcos Doniseti!

Mauro Paulino, diretor-geral do Datafolha. 

A pesquisa Datafolha que foi divulgada ontem e que foi realizada nos dias 14 e 15 de Outubro (Terça e Quarta) incluiu em seu questionário 5 perguntas (as de número 22, 23, 24, 25 e 26) diretamente relacionadas ao caso envolvendo o tal 'delator' da Petrobras. 

E para piorar ainda mais, uma das perguntas claramente relacionava o caso com a Presidenta Dilma, estabelecendo uma conexão direta entre ela e as denúncias, pois uma das perguntas é a seguinte:

"P.25 Na sua opinião, a presidente Dilma Rousseff tem ou não responsabilidade no caso de corrupção em negócios da Petrobras? 

(SE SIM) A presidente tem muita responsabilidade ou um pouco de responsabilidade?

1 Tem muita responsabilidade 3 Não tem responsabilidade
2 Tem um pouco de responsabilidade 99 Não sabe".

O curioso é que o questionário não incluiu nenhuma pergunta relacionando a candidatura de Aécio com qualquer irrregularidade, embora tenhamos muitas denúncias a respeito da sua atuação frente ao governo de Minas Gerais, como o não pagamento do piso salarial nacional aos professores do estado, a construção de um aeroporto, com dinheiro público, em terras de um tio de Aécio, as denúncias quanto ao cerceamento da liberdade de imprensa no estado por parte dos governos do PSDB, entre outras.

Então, isso comprova, claramente, que a pesquisa do Datafolha é feita de maneira a induzir o eleitor a não escolher o nome de Dilma e, é claro, a escolher a candidatura do adversário, o candidato do PSDB, Aécio Neves, o que altera o resultado final da pesquisa.

Com certeza, deve-se a esse tipo de artifício o fato de que os números apresentados pelas pesquisas acabam se distanciando tanto do resultado final das eleições. 

Datafolha: Não dá para confiar!

Links:

http://pesqele.tse.jus.br/pesqele/publico/CarregarArquivoQuestionario.abrir?id=28424

http://pesqele.tse.jus.br/pesqele/publico/pesquisa/Pesquisa/visualizacaoPublica.action?id=28424

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Para reduzir a inflação, Aécio irá triplicar a taxa de desemprego e irá mais do que dobrar a taxa de juros (Selic)! - por Marcos Doniseti!

Para reduzir a inflação, Aécio irá triplicar a taxa de desemprego e irá mais do que dobrar a taxa de juros (Selic)! - por Marcos Doniseti!


Aécio promete reduzir a inflação de 6% para 3% ao ano. 
Mas o que ele não diz é que para conseguir isso, será necessário elevar a taxa Selic de 11% para 25% ao ano e o desemprego terá que triplicar, passando de 5% para 15%.
A informação está na edição da revista 'CartaCapital' desta semana, na coluna 'Rosa dos Ventos', de Maurício Dias.

Da 'CartaCapital':
"O economista Carlos Cosenza, professor da Coppe-UFRJ, submeteu a um teste de consistência matemática a promessa de Armíno Fraga de reduzir rapidamente a taxa de inflação para 3% ao ano.
Fraga é pré-indicado a ministro da Fazenda, se Aécio Neves ganhar a eleição.
Segundo Cosenza, para que isso aconteça, a taxa de desemprego deveria alcançar 15% e a taxa de juros seria elevada a 25%.
Há forte possibilidade de que, ante taxas de juro tão altas, e independentemente do desemprego de nível europeu, a produção caia, arrastando a oferta, e a taxa de inflação continue resistindo.'.

Obs: A informação consta na edição impressa da revista, mas não na Internet.


terça-feira, 14 de outubro de 2014

A conexão entre a Grande Mídia, a SIP, a 4ª. Frota Naval dos EUA, a Petrobras, o pré-sal – Marcos Doniseti!

A conexão entre a Grande Mídia, a SIP, a 4ª. Frota Naval dos EUA, a Petrobras, o pré-sal – Marcos Doniseti!
Com a criação do Regime de Partilha 75% da renda líquida do pré-sal ficarão com o Estado Brasileiro. Mas Aécio defende o fim do mesmo e a volta do Regime de Concessão, no qual o petróleo ficará sob o controle das petrolíferas estrangeiras. Com isso, o futuro do Brasil estará seriamente comprometido.
A Grande Mídia brasileira promove, neste momento, uma campanha ostensiva, desonesta, mentirosa e manipuladora que visa desmoralizar a maior empresa de capital nacional, e predominantemente estatal, que é a Petrobras.

E como ‘relembrar é viver’, não custa nada lembrar: Os grandes grupos de mídia privados nacionais (o GAFE - Globo, Abril, Folha, Estadão, em especial), que promovem tal campanha, fazem parte da SIP (Sociedade Interamericana de Imprensa),  que desde a sua criação, em 1943, é uma entidade intimamente relacionada aos interesses dos EUA na América Latina.

Esta entidade (SIP) adora dizer que defende a democracia, a liberdade e os direitos humanos, mas sempre apoiou, com unhas e dentes, as políticas e interesses ianques na América Latina.

A SIP também defendeu e apoiou todos os inúmeros Golpes de Estado e Ditaduras Militares que os EUA organizaram, instalaram, financiaram e apoiaram na região (como as de Pinochet, Somoza, a Ditadura Militar brasileira de 1964-1985, as Ditaduras argentina, uruguaia, etc etc), incluindo também nessa lista os golpes mais recentes (no século XXI) na Venezuela, Bolívia, Equador, Honduras e Paraguai, dos quais apenas estes dois últimos foram vitoriosos.

Um dos mais sanguinários e corruptos ditadores latino-americanos de todos os tempos, o nicaraguense Anastácio Somoza, foi considerado pela SIP como sendo um ‘anjo tutelar da liberdade de pensamento’... Sem comentários.

A SIP chegou até mesmo a ter alguns presidentes que eram agentes da CIA (o principal foi Jules Dubois, que dirigiu a organização por 15 anos), o serviço (nem tão) secreto dos EUA que é especializado em promover processos de desestabilização e a derrubada de governos, de inúmeros países mundo afora, que não se submetem aos interesses do Império Ianque.  

A história está repleta de exemplos de ações desestabilizadoras promovidas pela CIA mundo afora, comprovadas por documentação do próprio governo dos EUA, incluindo muitos Golpes de Estado na América Latina, como é o caso dos governos de Jacobo Arbenz (1954, na Guatemala), João Goulart (1964, no Brasil), Salvador Allende (1973, no Chile), Hugo Chávez (Abril de 2002, Venezuela), Manuel Zelaya (Junho de 2009, Honduras), entre outros.

E agora vemos, claramente, a Grande Mídia ‘brazileira’, integrante da SIP, fortemente empenhada numa ostensiva campanha que visa desmoralizar a Petrobras, justamente a empresa que, em função da criação do Regime de Partilha, será a única operadora no pré-sal. Nenhuma outra empresa, seja nacional ou estrangeira, poderá extrair petróleo no mesmo.

Pelas regras do Regime de Partilha do petróleo do pré-sal, criado e implantado pelo governo Lula em 2010 e ao qual o governo Dilma deu continuidade, apenas a Petrobras poderá explorar o mesmo e o Estado brasileiro ficará com 75% da renda líquida gerada por essa imensa riqueza, cuja descoberta foi confirmada há poucos anos (em 2007).

Além disso, a política de conteúdo nacional para o setor petrolífero, e que também foi adotada a partir do governo Lula e que tem continuidade no governo Dilma, determina que as sondas, plataformas e navios que a Petrobras usará para extrair e transportar o petróleo do pré-sal serão todas construídas no Brasil, com um grau mínimo de nacionalização (60%).

Tal política de conteúdo nacional foi o que viabilizou, por exemplo, a recuperação da indústria de construção naval brasileira, que cresceu rapidamente a partir do governo Lula, passando de 7 mil funcionários em 2002 para 81 mil atualmente e com a perspectiva de atingir os 100 mil empregados até 2016, fazendo com que esta se tornasse a 4ª. Maior do mundo.

Além do que já exposto até aqui, é bom lembrar que foi justamente após a confirmação da descoberta das imensas reservas de petróleo do pré-sal (que são calculadas em 100 bilhões de barris de petróleo e que é de alta qualidade) que os EUA reativaram a 4a. Frota Naval, que havia sido desativada em 1950, e que atua na região do Atlântico Sul, o que afeta diretamente o Brasil, pois é justamente nas Bacias de Santos (SP) e de Campos (RJ) que se localizam a maior parte das reservas do pré-sal.

Quando a reativação da IV Frota ianque aconteceu, em 2008, o Almirante Gary Roughead, chefe de Operações Navais da Marinha dos EUA, declarou o seguinte: "O foco da IV Frota estará nas ações humanitárias, mas que ninguém se engane: ela estará pronta para qualquer tipo de ação, em qualquer lugar e a qualquer momento.”. 

Para bom entendedor...

Simultaneamente, as candidaturas de Marina Silva e do candidato tucano deixaram bem claro que a política do Regime de Partilha do pré-sal e a de conteúdo nacional para o setor petrolífero seriam abandonadas caso um deles fosse o vencedor da eleição presidencial deste ano. Tais mudanças, que teriam consequências trágicas para o Brasil e o seu povo, estão previstas nos planos de governo ou então foram defendidas publicamente, por ambos os candidatos, durante esta campanha eleitoral. 

Assim, como o candidato do PSDB passou para o segundo turno da disputa presidencial, caso ele vença e eleição voltaremos ao regime de concessão para a extração do petróleo do pré-sal e a se encomendar no exterior os equipamentos necessários à sua produção e transporte (sondas, plataformas, navios petroleiros). Repetindo: Ambas as medidas já foram defendidas pelo candidato do PSDB durante a campanha presidencial e constam em seu plano de governo.

Portanto, pode-se perfeitamente concluir que essa combinação de iniciativas por parte do governo dos EUA (reativação da 4ª. Frota Naval) e dos grandes grupos midiáticos privados brasileiros (a campanha de desmoralização contra a Petrobras) visa justamente criar as condições para a derrota de Dilma e promover a ascensão ao governo do país de uma candidatura comprometida com o fim do Regime de Partilha do pré-sal e da política de conteúdo nacional atualmente vigente.

Desta maneira, com a adoção do regime de concessão, o Estado brasileiro perderá o controle do petróleo do pré-sal, pois o mesmo prevê que o mesmo pertence à empresa que o descobriu e a única obrigação da mesma para com o país é pagar os royalties e os impostos.

Mas o petróleo do pré-sal será de propriedade das empresas privadas estrangeiras e as riquezas que ele irá gerar também ficarão com elas. E o Brasil e o seu povo ficarão a ver navios, literalmente.

Com isso, voltaremos ao regime colonial de exploração, no qual os estrangeiros vem ao Brasil, extraem as suas riquezas, explorando brutalmente a força de trabalho nacional, levam as mesmas embora e ao país e à sua população sobram apenas as migalhas de uma vida miserável.

É isso que você quer para o Brasil?

Pense nisso.

Links:

Honduras vive terrorismo midiático: SIP cala-se!


A reativação da 4ª. Frota Naval dos EUA em 2008!


A história da SIP:


sábado, 11 de outubro de 2014

Paulo Roberto Costa e Rubnei Quícoli: Tudo a Ver! - Marcos Doniseti!

Paulo Roberto Costa e Rubnei Quícoli: Tudo a Ver! - Marcos Doniseti!

Dilma o demitiu da Petrobras. E foi a Polícia Federal do seu governo que o investigou e o prendeu. Talvez isso explique toda a raiva dele contra o PT. 

Novamente são feitas acusações ao PT, e que são totalmente desprovidas de provas, no momento decisivo de uma campanha eleitoral, caracterizando um caso semelhante ao do Rubnei Quícoli (na reta final da campanha presidencial de 2010). 

Em 2010, tais acusações também receberam uma gigantesca divulgação da Grande Mídia. Erenice Guerra sofreu acusações que, depois, revelaram-se totalmente falsas e mentirosas. 

A 'Folha' fazia matérias de capa e com letras garrafais a respeito do caso. 

Posteriormente, no ano seguinte, Quícoli (que foi acionado judicialmente pelo PT) retirou as acusações na Justiça, fato este ao qual a Grande Mídia não deu destaque algum, é claro. E Erenice foi inocentada. 

Mas daí o estrago eleitoral contra o PT já estava feito, que é o que interessa para a Grande Mídia conservadora. Informar a população? Isso é um mero detalhe, sem importância alguma. 

Em toda a eleição é a mesma história, mudando apenas os personagens. 

Está na hora de trocar de roteirista, hein!

Retrocesso Não! Fora PSDB! Fora FHC! Fora Aécio! 

É Dilma 13! 


Rubnei Quícoli, que acusou o PT durante a campanha presidencial de 2010, mas que depois retirou as acusações e se desculpou com o partido. 

Links:

Rubnei Quícoli retira acusaçõws ao PT na Justiça:

http://luisnassif.com/profiles/blogs/justi-a-empres-rio-se-retrata-por-acusa-es-feitas-na-imprensa?xg_source=activity

Lula acusa oposição de jogo rasteiro:

http://brasil.estadao.com.br/noticias/geral,lula-acusa-oposicao-de-jogo-rasteiro-imp-,611186

Rubnei Quícoli acabou de sair da prisão: 

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

PT lança as 13 tarefas militantes para a arrancada final!

PT lança as 13 tarefas militantes para a arrancada final! 




E então, companheiros, vamos à luta? 

É Dilma Presidenta!

Obs: Ignorem as pesquisas fajutas. Ou elas são fajutas porque são manipuladas de forma descarada ou porque usam metodologias equivocadas e raramente conseguem refletir a verdadeira vontade popular. Essa só se manifesta nas urnas, mesmo. Então, nada de desânimo e vamos batalhar até o fim pela vitória de Dilma. 

Até o dono do Ibope reconheceu que eles não conseguem prever a abstenção do eleitorado nas eleições, pois nas pesquisas não existe abstenção alguma, mas não eleições elas acontecem e, com isso, todas as pesquisas estão sujeitar a apontar um resultado muito diferente daquele que as urnas mostram no final.

Então, se você conhece alguém que não votou, que votou em branco ou nulo, converse com ele, mostre as realizações dos governos Lula e Dilma, explique porque a candidatura de Aécio representa um gigantesco retrocesso para o país. 

Vamos à luta, companheiros! Rumo à Vitória!

PT lança as 13 tarefas militantes para a arrancada final

Lista ajuda a motivar a militância para as ações de rua nesta reta final da campanha


Jacy Afonso, coordenador Mobilização da Campanha da reeleição da presidenta Dilma Rousseff, e o Secretário de Organização PT Nacional, Florisvaldo Souza, elaboraram uma lista de 13 itens para ajudar a militância a se engajar na reta final de mobilização.
Veja abaixo os itens:
  1.     Ganhe votos
Não deixe para o segundo turno. A hora é agora. Aproveite todas as oportunidades para debater com as pessoas. Peça voto à manicure, ao barbeiro, ao atendente da lotérica, a sua família, aos colegas de trabalho, aos frequentadores de sua igreja, aos seus colegas de escola, aos seus companheiros de movimento sindical e dos movimentos sociais.

  1.     Expresse o seu voto
Mostre que você vota na Dilma. Vista a camisa. Carregue com orgulho a bandeira, adesive seu carro, sua pasta, seu celular. Vá para a rua demonstrando sua crença no projeto “Mais Mudanças, mais Futuro”.

  1.     Participe das mobilizações
Vá a carreatas, bandeiraços, panfletagens e outras atividades convocadas pela coordenação local da campanha.

  1.     Seja um mobilizador
Organize reuniões no seu bairro, promova bandeiraços e panfletagens na vizinhança, na sua rua, na porta de uma faculdade, nos espaços de sua convivência.

  1.     Tenha sempre material em mãos
Procure os comitês e pegue material para divulgar a campanha. Para subsidiar os debates, consulte os sites www.dilma.org.br ewww.mudamais.org.br.

  1.     Caia nas redes sociais
Use o avatar da Campanha, faça declarações de voto, compartilhe informações, divulgue a verdade, debata de forma propositiva, com foco no programa da Dilma.

  1.     Não aceite provocações
O desespero e o ódio não devem ganhar da esperança e da certeza da continuidade das mudanças.

  1.     Esclareça como se vota
Auxilie as pessoas para votarem corretamente. As “colinhas” são ferramentas determinantes e esclarecedoras nessa reta final.

  1.     Seja propositivo
Foque nas propostas e realizações do governo. Dilma. A hora é de fixar exclusivamente na nossa campanha. Queremos reeleger Dilma Presidenta porque queremos mais mudanças e mais futuro.

  1.   O voto é 13
Na urna eletrônica se vota pelo número dos candidatos. Ajude a esclarecer o número correto da mudança. O número da Dilma é 13.


  1.   Use vermelho
No dia da eleição, use roupa vermelha, Leve sua bandeira. Expresse seu voto com adesivos. A manifestação silenciosa, além de ser permitida, é importante.

  1.   Fiscalize e Denuncie
Ajude na lisura das eleições. Seja um fiscal de todo o processo eleitoral. É importante ter telefone e e-mail do comitê local. Caso presencie alguma irregularidade, comunique às autoridades responsáveis.

  1.   Não deixe para o segundo turno

Eleição só acaba com todos os votos contados. Não é hora de diminuir o ritmo da campanha. Ao contrário, é o momento de intensificar nosso trabalho. Cada voto é importante. Não podemos perder voto algum.

Da Redação da Agência PT de Notícias



Link:

https://www.pt.org.br/pt-lanca-as-13-tarefas-militantes-para-a-arrancada-final/

O PSDB e a Privatização do Banerj! - por Marcos Doniseti!

O PSDB e a Privatização do Banerj! - por Marcos Doniseti!



O PSDB e a privatização do Banerj: 

No livro “A Privataria Tucana” (página 39), o jornalista Amaury Ribeiro Jr. conta uma história que em qualquer país civilizado e que contasse com uma Justiça atuante teria resultado no julgamento e condenação dos responsáveis. 

Trata-se da privatização do Banerj, que foi promovida pelo então governador do RJ, Marcelo Alencar (PSDB). 

Ele simplesmente fez o seguinte: Para viabilizar a privatização do banco, Alencar fez um empréstimo de R$ 3,3 bilhões, que depois utilizou para poder ‘sanear’ o banco. 

Como parte deste 'saneamento’ ele demitiu 6.200 dos 12.000 funcionários, pagou indenizações e dívidas com o fundo de pensão. E somente depois de fazer tudo isso é que ele privatizou o Banerj. 

E sabe por qual valor ele vendeu o banco? Por ridículos R$ 160 milhões, ou seja, 20 vezes menos do que o valor emprestado pelo seu governo para tornar o banco ‘privatizável’. 

Portanto, a privatização do Banerj, sozinha, gerou um prejuízo imenso, de R$ 3,140 bilhões para o governo e o povo do estado do Rio de Janeiro. 

Você quer isso de volta? Não? Então, vote em Dilma 13. 

Link:

Itaú compra o Banerj por R$ 160 milhões:

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/brasil/fc270602.htm

Pesquisas do 2o. turno poderão ser manipuladas com mais facilidade! - Marcos Doniseti!

Pesquisas do 2o. turno poderão ser manipuladas com mais facilidade! - Marcos Doniseti!

Em Novembro de 2002 a taxa de inflação foi de 5,19%, quase igual à de todo o ano de 2013 (5,91%). Será que os brasileiros irão querer isso de volta? 

Um alerta a todos: A partir do momento em que sabemos, com a divulgação do resultado final do primeiro turno da eleição, em qual estado, cidade e a zona eleitoral em que cada um dos candidatos foi melhor votado no primeiro turno, não será nada difícil fazer uma pesquisa sob medida para beneficiar algum candidato. 

Exemplo: Na Bahia, Dilma foi a mais votada, certo? Mas em uma única cidade da Bahia, Aécio conseguiu ser o mais votado. 

Daí, um Ibope ou Datafolha poderá escolher justamente essa cidade da Bahia para fazer entrevistas neste segundo turno. 

Outra possibilidade de manipulação é a de em uma determinada cidade, a maioria dos entrevistados ser de um bairro em que um certo candidato foi muito bem votado na eleição e fazer poucas entrevistas na região em que ele foi mal votado. Em São Paulo, por exemplo, Dilma venceu nas regiões mais periféricas da capital paulista e teve bem menos votos do que nas regiões mais ricas. Se quiserem fazer uma pesquisa para derrubar as intenções de voto em Dilma, bastará reduzir o número de entrevistados nas periferias e aumentar os da regiões mais ricas. 

Logo, conforme o número de eleitores de cada região pesquisada, poderá estar se beneficiando ou prejudicando um certo candidato. E isso, agora, é facilitado porque já se conhece em detalhes o resultado final do primeiro turno das eleições. 

Assim, mesmo sem manipular nenhum número o instituto estará beneficiando Aécio ao fazer a pesquisa. 

Assim, a manipulação das pesquisas ficará muito mais fácil neste segundo turno. 

Logo, se as pesquisas já demonstraram, no primeiro turno, que não são nada confiáveis, neste segundo turno elas serão menos ainda. 

Portanto, o melhor a fazer é ignorá-las e continuar lutando pela vitória de Dilma.

Em 2014, Brasil cria mais empregos que Japão, Chile e Austrália somados! - por Marcos Doniseti!

Em 2014, Brasil cria mais empregos que Japão, Chile e Austrália somados! - por Marcos Doniseti!

Hoje o Brasil possui uma das menores taxas de desemprego do mundo, de apenas 5%. Mas nem sempre foi assim, como demonstra claramente a matéria da 'Folha' de 29/05/2002, na época do governo FHC-Aecio-PSDB.

No primeiro semestre de 2014 o Brasil criou 588 mil empregos formais. 

Enquanto isso, o Japão, Austrália e Chile, somados, criaram apenas 185 mil empregos, mesmo tendo um PIB bem superior ao do Brasil (PIB somado dos 3 países chega a US$ 5,7 trilhões, contra US$ 2,4 trilhões do PIB brasileiro; conceito de PPC - Paridade de Poder de Compra).

E depois há quem diga que o Brasil enfrenta uma 'crise terrível'. 

Acredite, se quiser... 

Link:

A situação da economia brasileira atualmente: Desemprego baixo, Deflação...- Marcos Doniseti!

A situação da economia brasileira atualmente: Desemprego baixo, Deflação...- Marcos Doniseti!


Na época do governo FHC-PSDB-Aécio era assim: Em vez do Brasil progredir e melhorar, ele regredia e piorava cada vez mais. 

A Grande Mídia, economistas tucanos, colunistas neoliberais e líderes da oposição adoram dizer que o Brasil estaria passando por uma crise econômica terrível ou algo desse tipo.

Assim, pesquisei na Internet notícias recentes, dos últimos dias, que pudessem confirmar tal impressão. E o que encontrei foram informações que mostram exatamente o contrário do que todos esses desinformados da oposição dizem. 

Abaixo, publico algumas dessas notícias:

1) IGP-M (FGV) mostra Deflação de 0,07% na primeira prévia de Outubro:

http://br.reuters.com/article/businessNews/idBRKCN0HY14V20141009

2) IGP-DI (FGV) aponta inflação de 0,02% em Setembro; Acumulado em 12 meses é de apenas 3,24%

http://g1.globo.com/economia/noticia/2014/10/inflacao-pelo-igp-di-perde-forca-em-setembro-diz-fgv.html

3) Produção de veículos em Setembro cresceu 13,7%, diz Anfavea

http://noticias.r7.com/economia/producao-de-veiculos-no-brasil-sobe-137-em-setembro-diz-anfavea-06102014

4) Balança Comercial do Agronegócio fecha Setembro com superávit de US$ 6,8 bilhões:

http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2014-10/balanca-do-agronegocio-fecha-com-superavit-de-US%24-6%2C8%20bilh%C3%B5es-em-setembro

5) Entrada de dólares no Brasil supera as saídas em US$ 2 bilhões em Setembro:

http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2014-10/entradas-de-dolares-sao-maiores-que-saidas-em-us-2-bi-em-outubro

6) Preço da cesta básica cai em 11 de 18 capitais pesquisadas

http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2014-10/preco-da-cesta-basica-cai-em-11-capitais-diz-dieese

7) Taxa de desemprego fica em 5% no mês de Agosto, a menor da série histórica para o mês

agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2014-09/taxa%20-de-desemprego-em-agosto-fica-em-5-e-é-a-menor-para-o-mês-desde-2002

8) Brasil recebeu US$ 6,84 bilhões em investimentos externos diretos em Agosto, diz BC

http://www.number.com.br/noticias/noticias_interna.php?id=1217

9) Conab prevê que safra de grãos poderá chegar 201,6 milhões de toneladas em 2015

https://br.noticias.yahoo.com/conab-prev%C3%AA-safra-gr%C3%A3os-201-6-mi-toneladas-141900611--finance.html

10) Vendas do comércio varejista brasileiro cresceram 5,2% em Setembro; Acumulado em 2014 mostra expansão de 4,1%

http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2014-10/serasa-experian-calcula-que-atividade-comercial-cresceu-em-setembro


Links: 

Aécio: estou preparado para tomar decisões impopulares:

http://www1.folha.uol.com.br/colunas/monicabergamo/2014/04/1434480-estou-preparado-para-decisoes-impopulares-diz-aecio-neves.shtml

Uma tragédia chamada governo FHC (capas de revistas e jornais da época):

http://fhcnao.blogspot.com.br/#.VDaFi1fTLU4.twitter

Desemprego na Espanha chega a 24,4%; Grécia tem 27% de desempregados!

http://www.em.com.br/app/noticia/internacional/2014/10/08/interna_internacional,577797/italia-franca-e-alemanha-se-comprometem-a-lutar-contra-desemprego.shtml